Fatos violentos nos últimos dias trouxeram à tona os riscos a que os usuários do Sistema Anchieta-Imigrantes continuam expostos diariamente. Coordenador da Frente Parlamentar em Prol do SAI, o deputado estadual Cássio Navarro (PMDB) enviou um ofício ao secretário de Segurança Pública do Estado, Mágino Alves Barbosa Filho, solicitando ações urgentes.

CHEGA DE VIOLÊNCIA

#VIOLÊNCIA Acabo de me pronunciar no plenário da Assembleia para mostrar minha indignação e, principalmente, preocupação com os frequentes casos de violência nas Rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes. Há algum tempo criei a Frente Parlamentar em Prol da Segurança no SAI e estou na luta para resolver esses problemas. Esta semana protocolei um ofício na Secretaria de Segurança Pública do Estado citando os últimos acontecimentos e cobrando medidas urgentes! #FrenteParlamentar #ChegadeViolência #CuraSocial #BaixadaSantista #SãoVicente #PraiaGrande #SistemaAnchietaImigrantes #SAI #MandatoAtivo #Alesp

Publicado por Cássio Navarro em Quarta, 28 de junho de 2017

No documento, Navarro detalhou os quatro últimos acontecimentos na Rodovia. O primeiro, na madrugada de sábado, 24, na Imigrantes, no trecho de São Vicente, que fez uma vítima fatal. O segundo, menos de 24 horas depois, na Marginal Direita da Via Anchieta, em Santos. Depois a notícia de que jornalistas da região quase foram assaltados na Imigrantes, e o último, na terça, 27, quando marginais armados invadiram a pista Norte da Via Anchieta, em Cubatão, e assaltaram um caminhoneiro.

O parlamentar afirmou que os fatos ocorridos só comprovam que o problema continua mesmo depois de a polícia e a Ecovias terem tomados algumas medidas necessárias.

Ele mencionou que as prefeituras da região precisam de auxílio e é dever do Estado garantir a segurança da população. “Diante da repetição de fatos como esses, não podemos ficar parados. A população está revoltada com os últimos acontecimentos e tem todas as razões para exigir providências.”, afirmou.

Cássio destaca presença da polícia

Navarro destacou no documento que a presença da polícia é fundamental e extremamente necessária. Ele também sugere que seja feito um estudo, uma investigação detalhada do perfil dos criminosos e uma pesquisa social nas comunidades ao redor das vias.

“Os números entregam a urgente necessidade de mudança e como deputado estadual me sinto na obrigação de lutar por isso. Vamos nos mobilizar em busca de soluções”, completou.

PRAIA GRANDE NA TELA

DEIXE UM COMENTÁRIO